Todd Bracher

Escritório/Estúdio

Brooklyn New York 
United States of America

Prêmios/Reconhecimento

2011 Interior Design Magazine Product of the Year Nomination (Nest)
2011 Interior Design Magazine Product of the Year Nomination (Trea)
2011 Interiors & Sources Readers Best Products Nomination (Trea)
2011 Product innovations Award (Trea)
2009 International Designer of the Year / nomination Bolig
Design Miami Designer of the Future Award / nomination
2008 Wallpaper* Lamp of the Year (Dome lamp)
2008 Interior Design Magazine Product of the Year (T-No1)
2008 International Designer of the Year (Bolig)
2008 ICFF Best New Designer
2007 Wallpaper* Best New Brand (Mater)
2006 I.D. Design Award (Librilounge)
2003 The 21st Century SOFA Design Award (Redline)
2003 The 21st Century SOFA Design Award (Librilounge)
2003 I.D. Design Award (Freud)
2002 Winnipeg Urban Design Award / in collaboration Davidovici, Dube
2002 UNESCO International Design Award (Bloom)
2001 IDEE Design Award (Soft)
2001 I.D. Design Award (Bloom)
2000 IDEE Design Award (Bent)
2000 Promosedia Design Award (Bloom)
2000 I.D. Design Award (OpenPrivacy)
2000 Design Report Award
1999 Fulbright Grant

Todd Bracher

Todd Bracher nasceu em Nova York mas, aos 24 anos de idade, mudou-se para Copenhagen para estudar na cidade onde heróis como Arne Jacobsen e Poul Kjærholm viveram.

Após sua estada em Copenhagen, mudou-se para Paris, Milão e Londres antes de retornar às suas origens e voltar para o Brooklyn. Ele já chegou à sua própria visão sobre o que constitui um bom design, e foi essa visão que foi expressa na nova mesa criada para Fritz Hansen: uma mesa que pode ser usada tanto para reuniões como para jantares.

Apesar de suas raízes nova-iorquinas, o trabalho de Todd Bracher usa a tradição do design escandinavo como ponto de referência. Foi esse fascínio pelo design escandinavo que o levou a Copenhagen para se formar na Danmarks Designskole.

Toda essa familiaridade o tornou uma escolha óbvia para Fritz Hansen. “Todo design envolve o balanço delicado entre excessos e escassez na concepção de um objeto. Eu gosto do fato de uma mesa aparentar que não poderia ter sido feita de outra maneira. É como se ela tivesse sido criada em um único movimento longo e natural. É importante para mim que o resultado não exija muitas explicações.

Não há nada para se entender – é somente uma base e uma superfície.” Todd Bracher.