São Paulo 11 3056-1800
Rio de Janeiro 21 2267-9795
Brasília 61 3327-1404

Iluminação: conforto para os olhos, detalhes que completam e surpreendem

A arquitetura está diretamente relacionada com design, conforto e qualidade de vida, e isso inclui o conforto para os olhos. Por isso, a iluminação entra como um dos pontos fundamentais para deixar qualquer projeto arquitetônico completo, atrativo e funcional.

Mais do que um luxo, vamos mostrar nesta sessão os benefícios fisiológicos, psicológicos, ergonômicos e ambientais que um bom projeto luminotécnico traz para o ambiente de trabalho. Em qualquer escritório, a iluminação e a acústica são fatores que influenciam diretamente a produtividade, o conforto, e a saúde dos colaboradores.Confira!

Por que a iluminação em um projeto arquitetônico é tão importante?

 

O conforto visual deve ser uma das prioridades de qualquer projeto de qualidade, mas não é só isso. Cada espaço precisa de uma iluminação peculiar, que ajude não só a definir, mas a fazer com que o papel daquele ambiente seja compreendido e cumprido, intuitivamente.

Uma escolha errada na iluminação do seu projeto pode impedir que ele corresponda às expectativas e perca a funcionalidade planejada. Por isso, a escolha das luminárias é tão fundamental.

De que forma as luminárias contribuem para o sucesso de um projeto?

 

Ambientes de trabalho mal iluminados ou que não tiveram um projeto luminotécnico adequado podem gerar fadiga visual nos músculos da visão com sintomas como, olhos vermelhos, lacrimejo, contraturas, dor e ardor nos olhos, náuseas e cefaleia. Como consequência da fadiga visual prolongada pode ocorrer redução da acuidade visual a confusão visual transitória. A diminuição da produtividade de um colaborador nesses casos é óbvia.

Além disso, as luminárias servem não apenas para preservar a saúde visual das pessoas que frequentam o ambiente e aumentar a produtividade. Elas também são importantes para evidenciar as características dos espaços, delimitar áreas e definir ambientes e suas funcionalidades. Servem como integradoras de espaços.

A intensidade, movimento e posição da luz podem ajudar a compor o espaço, torná-lo mais ou menos atrativo, contribuir para a produtividade no trabalho, entre outras questões. Por isso, a harmonia entre estética e ergonomia deve ser prioridade.

A escolha da luminária, portanto, deve levar em conta não só a sua funcionalidade, mas também sua combinação com o ambiente e sua conexão com o espaço que será constituído por outros elementos.

O que considerar no planejamento luminotécnico?

 

Primeiramente, é importante se inteirar da legislação existente, que estabelece requisitos mínimos de iluminação para locais internos, considerando as tarefas desenvolvidas para projetação de espaços seguros, confortáveis e eficientes nos quais o trabalho será desenvolvido. Essa norma é a ABNT (NBR5413) e é facilmente encontrada na internet.

Atualmente ela considera a iluminância, o limite referente ao desconforto por ofuscamento e o índice de reprodução de cor mínimo da fonte para os vários locais possíveis de trabalho, sempre considerando a tarefa executada.

Sempre que possível a luz natural deve ser usada como complemento da luz artificial, por dois motivos: o primeiro mais evidente é a economia de energia; o segundo, menos óbvio, é que o corpo humano funciona melhor quando exposto à luz solar.

A luz solar ajuda na a produção de melatonina, hormônio que proporciona melhor qualidade do sono e também aumenta a produção de endorfina no cérebro, substância antidepressiva natural, que promove a sensação de bem-estar e aumenta os níveis de alegria. Contudo, a luz solar precisa ser indireta, pois a exposição prolongada a irradiação solar causa desconforto térmico.

A reflexão de objetos metálicos podem causar ofuscamento, portanto, a implantação de claraboias, lanternim, janelas e telhas translúcidas devem ser precedidas de estudos técnicos.

Os projetos luminotécnicos devem equilibrar o dimensionamento correto do sistema de proteção do circuito e o tipo de atividade desenvolvida no ambiente a ser iluminado.

O estudo de implantação de sistemas luminosos deve considerar a densidade luminosa (não pode haver muita diferença) ao mesmo tempo que se deve evitar a monotonia por falta de contrastes luminosos. Grandes diferenças de claridade dentro do campo visual implicam em constantes processos de adaptação o que diminui consideravelmente o rendimento visual.

Algumas dicas para se ter ergonomia visual:

*janela com proteção contra a luz solar direta;

*equilíbrio entre brilho e contraste do monitor

*monitor entre 10 e 20graus do nível dos olhos e a uma distância entre 60 e 70 cm entre seu corpo e o monitor;

*descansar a visão em intervalos de 1 hora;

*piscar voluntariamente;

*além da iluminação geral, algumas atividades exigem uma iluminação mais pontual na mesa de trabalho;

*iluminação com cores diferentes torna o ambiente de trabalho menos monótono, causando sensação de bem-estar;

o computador e equipamentos eletrônicos com tela (tablets e celulares) nunca devem receber luz natural diretamente na tela. O ofuscamento prejudica a concentração e a saúde;

cores claras nas paredes melhoram a iluminação e as pessoas tendem a se sentirem mais dispostas e confortáveis.

 

Onde encontrar luminárias ideais?

 

Nós, da Atec, valorizamos cada uma das luminárias que revendemos em nossos showrooms. Oferecemos apenas aquelas que agregam qualidade, design e originalidade para os ambientes e, por isso, dispomos de uma variedade criteriosamente escolhida para atender cada detalhe dos projetos de nossos clientes.

As luminárias Lightyears são bons exemplos de como a luminosidade pode surpreender. Fabricadas em terras dinamarquesas, elas seguem a tradição dos países escandinavos, que prezam pelo aconchego e conforto ocular sem dispor do design em cada detalhe. Suas formas, curvas e linhas orgânicas impressionam pela beleza e funcionalidade.

Enquanto algumas das luminárias que revendemos possuem luminosidade direcionada e suave para criar um jogo de luz surpreendente e inspirador, complementando o cenário, outras possuem intensidades e direcionamentos adaptáveis, capazes de atender à necessidade ergonômica do usuário de acordo com o trabalho executado naquele momento.

As luminárias da Herman Miller, por exemplo, focam na multifuncionalidade e na ergonomia, para proporcionar conforto e segurança durante a execução dos mais diversos tipos de trabalho no escritório.

Vale ressaltar, ainda, que todas elas possuem materiais e acabamentos de bom gosto e sofisticação inigualáveis.

Confira, em nosso site, os modelos disponíveis e entre em contato com a nossa equipe para conhecer as possibilidades e opções disponíveis para o seu projeto.


Open Box Atec, começando 2017 com o pé direito

Que tal começar 2017 aproveitando excelentes oportunidades? A Atec está promovendo, por tempo limitado, mais uma Open Box.  São produtos do showroom, originais, criados por designers consagrados e com preços imperdíveis! Leve para sua casa ou escritório os móveis e acessórios mais desejados do mundo, com descontos que variam de 30% a 70%. Confira a lista de produtos que participam dessa promoção:

*Imagens meramente ilustrativas

Produtos da Herman Miller:

Celle Chair, Aeron Side Chair, Eames Aluminum Group Chairs, Eames Molded Plastic Chairs,  Setu Chair e Setu Lounge Chair, Caper Chair, SAYL Chair, Aside Chair, poltrona Swoop Club Furniture, Eames Tables, mesa Nelson Swag Leg , banco Tuxedo, Abak Enviroments, Tu Filing, Luminária Flute Personal Light.

Produtos Fritz Hansen:

Luminária KAISER Idell, cadeira Series 7, poltrona VIA 57, cadeira Drop, cadeira Space, NAP chair, mesa T-NO1, mesa Analog, mesa Essay, poltrona Swan, poltrona RO, EGG chair, cadeira Rin, Minuscule Chair, mesa de apoio Minuscule, poltrona Séries 3300, sofá FAVN, sofá LISSONI, sofá ALPHABET.

Produtos USM:

USM Haller Modular Office Cabinet,

Produtos LEES:

Carpetes Lees, vários modelos.

Para saber mais sobre a promoção e os produtos, clique aqui. Aproveite, pois os descontos são oferecidos por tempo limitado. Consulte a disponibilidade dos produtos.


Egg: original ou fake? Sete dicas para não se deixar enganar

Você abre sua caixa de e-mails e vê uma promoção surpreendente: nas fotos e na descrição da oferta várias imagens de poltronas EGG™  a preços inacreditáveis e jamais praticados no mercado.

Desconfie. Ou então o seu sonho de consumo pode se transformar em pesadelo.

O que faz a poltrona EGG™ ser única, incomparável e objeto de desejo não é só o seu design (que além de bonito proporciona conforto e privacidade) mas também a sua qualidade, história, originalidade  e garantia. Confira abaixo sete  detalhes que fazem toda a diferença na hora de comprar sua EGG™ :

 

1. Design elegante e original

A EGG™ Chair autêntica exala elegância. Seus contornos não possuem falhas e sua base de quatro pontas – nem mais nem menos – tornam seu design inconfundível.

2. Couro legítimo

A EGG™ Chair é feita de couro e suas laterais são formadas por apenas duas peças desse tecido. Se você notar que existem mais peças, emendas e pontos extras: desconfie. Essa não pode ser uma autêntica cadeira EGG™.

3. Costura

A EGG™ é uma cadeira artesanal de costura impecável. Observe suas curvas e seus detalhes laterais. Certifique-se de que não existam rugas nem dobras ao longo do seu tecido.

Com exceção da almofada, que acompanha a poltrona, seu couro é trabalhado de tal forma que fica impossível ‘beliscar’ a cadeira, pois o ajuste é perfeito. Nas laterais da EGG™ Chair, você também pode procurar pelo efeito ondulado, resultante da costura feita à mão. Essas características são exclusivas de uma autêntica poltrona EGG™.

 

O processo de criação de uma Egg é único e inconfundível

 

4. Alavanca e rotação

As cadeiras falsas geralmente não possuem uma alavanca na parte inferior, como a autêntica poltrona EGG™. Essa alavanca permite que você controle a inclinação da cadeira e ela só vai até onde você ‘mandar’.

Outra dica: observe se a poltrona pode girar suavemente por 360°. O giro de uma EGG™ Chair original é completo e suave. Se não for assim, é falsa.

5. Etiqueta e número de série

As cadeiras EGG™ possuem uma etiqueta que certifica sua originalidade. As poltronas fabricadas antes de 2010 possuem um tag vermelho. As atuais possuem um tag marrom. Observe essa etiqueta e o ano de fabricação contido em sua descrição.

Todas as poltronas EGG™ também possuem, em seus pés, um número de série exclusivo. É através desse número que você pode comprovar a originalidade da cadeira e se resguardar para o caso de perdas ou roubos. As EGG™ Lounges mais antigas (anteriores a 2006) não possuem as etiquetas, mas possuem o número de série.


6. Medidas

Claro, porque não? Ao comprar sua EGG™, pegue a fita métrica e tire as medidas!
Confira abaixo as dimensões de uma poltrona EGG™ verdadeira:

 

Altura total: 107 cm
Altura do assento: 37 centímetros
Largura: 86 cm
Profundidade – Pé Direito: 79 cm
Profundidade – Reclinada: 95 cm

7. Obra de arte

A cadeira EGG é também um ícone que virou obra de arte e está em uma exposição que viaja pelo mundo. São cinquenta exemplares da poltrona, com intervenções artísticas de Tal R. para homenagear os 50 anos de criação da poltrona. Veja mais sobre isso aqui.

 

Como falamos no começo deste texto, infelizmente ainda é muito comum vermos diversas empresas fazendo cópias de produtos que são ícones do design mobiliário. Elas tentam reproduzir “fielmente” as características da original, mas para isso utilizam materiais inferiores e desprezam os preceitos básicos do design, conforto e elegância que só uma EGG™ Lounge autêntica pode oferecer. E quanto à garantia, bem, você não tem garantia.

Podem até tentar, mas nada se compara ao original!

Agora que você já conhece as características de uma EGG™ Chair  autêntica, venha conferir uma de perto.

A Atec é revendedora certificada da Fritz Hansen, e possui consultores preparados para lhe apresentar essas e outras peças originais e exclusivas. Nossos showroons estão preparados para lhe receber.

 

 


Black Friday com Aeron, Drop, Caper Stool e suporte Lapjack? Só na Atec!

A Black Friday chegou! Se você é do tipo que não abre mão de qualidade, originalidade, procedência e bom atendimento por um preço mais baixo…pode comemorar!

Sim, a Atec aderiu à Black Friday e tem ofertas exclusivas para você presentear e ser presenteado neste fim de ano. Uma ótima oportunidade para adquirir o melhor do design, pagando menos.

Preparamos uma promoção especial — com produtos da Herman Miller e da Fritz Hansen. É uma oportunidade única para os apreciadores do design original, da ergonomia e do bom gosto.

A diferença entre a nossa Black Friday e as demais é que, aqui, nenhuma promoção sobrepõe à excelência e exclusividade do nosso atendimento. A satisfação dos nossos clientes foi e sempre será prioridade, independentemente da ocasião.

Preparados? Confira os detalhes e aproveite!

 

Cadeira Aeron

A cadeira mais desejada no mundo corporativo é apreciada não só pela beleza de seu design, mas pela tecnologia, qualidade, durabilidade e conforto que ela proporciona.

Desenvolvida com base em pesquisas sobre processos e métodos de trabalhos diários e com tecnologias exclusivas — como o apoio Posture-Fit e o tecido Pellicle —, a cadeira Aeron foi projetada pelos designers Don Chadwick e Bill Stumpf para a Herman Miller. Já recebeu o prêmio de Design da Década e é peça integrante do acervo do MoMa, de Nova Iorque.

Mais que um objeto de luxo, um verdadeiro alívio para quem sofre com o desconforto e as dores na lombar e nas costas, devido à má postura durante o trabalho no escritório. É também uma segurança para quem se preocupa com o futuro de sua saúde, com a produtividade e a qualidade de vida.

Aproveite a promoção da Black Friday Atec para levar a sua Aeron, de R$7.059, por apenas R$4.900!

 

Drop Chair

A primeira versão da cadeira Drop Chair, da Fritz Hansen, foi lançada em 1958 por Arne Jacobsen, que também foi o idealizador da EGG Chair e da Swan Chair.  Após algumas décadas ‘adormecida’, a cadeira Drop, ícone do design, foi relançada em 2014.

É pequena, mas tem grande personalidade. Traz a combinação entre o conforto e calor de um abraço com a liberdade e leveza de movimentos. Na Black Friday da Atec, você leva uma Drop para casa, de R$2.099, por apenas R$1.199!

Para saber mais sobre ela, clique aqui.

 

Caper Stool

A família de cadeiras Caper Stool nasceu do desejo de deixar o design, a sofisticação, a leveza e a versatilidade ao alcance de todos. Foi desenvolvida pelo designer Jeff Weber, para a Herman Miller.

Quem busca excelência em usabilidade encontra na Caper Stool um ótimo custo-benefício. Nascida para quebrar clichês, a cadeira que já possui, originalmente, um preço excelente, na Black Friday da Atec ela está com um valor irresistível.

De R$2.790, por apenas R$990!

Aproveite para levar uma de cada.

 

Lapjack – Suporte para Laptop

lap-jack

Saúde no trabalho é um assunto sério. Quando falamos de ergonomia, não podemos voltar as atenções apenas para cadeiras e poltronas, mas também para os acessórios que complementam nosso trabalho ao longo do dia.

O suporte Lapjack, da Herman Miller, mantém o seu laptop no ângulo que oferece mais conforto para sua visão. É compacto, portátil e essencial para garantir conforto e ergonomia durante um dia inteiro de trabalho e para acompanhar você em todos os lugares.

Aproveite a Black Friday para comprar o seu suporte Lapjack e presentear quem você ama!

De R$399, por apenas R$149.

Promoções válidas até sexta-feira, 25 de novembro de 2016, ou enquanto durarem os estoques.

Para saber mais sobre os produtos e adquirir o seu, entre em contato com a nossa equipe por e-mail ou ligue para 11 3056-1800.

*Imagens ilustrativas


Reino Unido proíbe revenda e confecção de réplicas

O Reino Unido aprovou recentemente uma série de leis de direitos autorais que proíbe réplicas dos ícones de mobiliário do século 20 mais copiados do mercado. Entre os móveis, claro, estão peças de Arne Jacobsen e Charles e Ray Eames.

Desde 28 julho deste ano, as empresas estão proibidas de fazer ou importar cópias desses móveis. Além disso, após seis meses da publicação da lei, a venda de itens copiados estará proibida. A fama de “cavalo de troia para importação” fez com que o Reino Unido tomasse medidas mais rigorosas sobre direitos autorais.

Se antes, copiar grandes ícones do design mudando apenas alguns detalhes – e claro, oferecendo um produto de baixíssima qualidade – era um negócio lucrativo, agora as empresas que adoram copiar trabalhos originais têm os dias contados; pelo menos no Reino Unido. Confira dois dos móveis mais copiados por lá:

Eames Molded Plastic Chair

LI_EMP_P_20010612_100_P

Criada pelo casal Eames, sua base remete às linhas da Torre Eiffel. Uma das peças mais copiadas de mobiliário.

EGG Chair

1907

Um projeto de Arne Jacobsen, originalmente criado para o Hotel Radisson SAS em Copenhague, na Dinamarca. Posteriormente, a poltrona passou a ser fabricada pela Fritz Hansen e até hoje é uma das mais cobiçadas, tanto pela beleza e pelo conforto, quanto pela sua história.

Clique aqui e aprenda a diferenciar uma Eames Lounge and Ottoman de uma réplica.